domingo, 22 de julho de 2007

Vida Paralela

Se existisse nesse mundo uma vida paralela
Eu a viveria contigo.
Teus seriam os meus dias
Tuas seriam as minhas noites
Nossos seriam esses segredos
Esses sussurros e cumplicidades.
Tu serias minha companhia
Traria cestas de flores e frutas
E as colocaria em teus pés,
Que banharia no mais fino bálsamo
Para que sentisse conforto e proteção.
Colocaria água do mar em nossa banheira
E o azul do céu em nosso teto
E o vento suave refrescaria nosso banho quente
Onde esfregaria tuas costas
E faria espuma com as ondas desse amor.
Nessa vida à parte, seria teu rei
E ordenaria que me trouxessem estrelas-do-mar
E estrelas da noite,
Para espalharem em nossa cama.
Onde faríamos amor pela eternidade,
Sem limite de tempo nem espaço.
Onde seríamos livres de máscaras,
De preocupações, de satisfações.
Onde encontraríamos o verdadeiro significado de doação,
Onde um seria do outro.

2 comentários:

DO disse...

Lindo.
Verdadeiramente muito lindo!!


Abração e otima semana.

Lindinha disse...

Lindo demais!!!
Estive ausente por uns dias, mas agora estou de volta. E muito indignada, diga-se de passagem.
Tem um post de desabafo no Retratos. Passa lá e deixa a tua opinião sobre o assunto.
Te desejo uma linda semana, com muito amor e paz no coração.
Beijos na alma...

“Se eu soubesse antes o que sei agora, faria tudo exatamente igual.”